INFORMATIVOS DO ANO

NOVEMBRO

Circular Novembro 2016 

Queridos sócios,
Esta é nossa primeira circular mensal, após o falecimento da Bebel. No mês anterior, no lugar da circular, optamos por uma justa “carta/homenagem” à nossa guerreira que partiu! Foi criada nossa mascote Bebelzinha, vocês podem conhecê-la no site, num cantinho especial reservado para que os amigos contem uma história que tenham vivido com ela, temos certeza que surgirão muitas com a cara dela!

Nos dois meses seguintes ao falecimento de nossa presidente, tivemos uma “diretora-presidente” interina: Sylvia Rocha. Agora, após Assembleia Geral Extraordinária no dia 09/10 na sede, foi eleito por aclamação um novo presidente Marcelo Mattos Marques. Voluntário há muitos anos, ilustrador e criador dos desenhos de várias campanhas da SUIPA, inclusive do nosso simpático cachorrinho da logomarca. Na formação da última chapa cuja eleição foi em junho de 2016, Bebel já havia pedido muito para ele ser o vice-presidente dela mas, por motivos profissionais, não pode aceitar e agora esse desejo se realizou!  Os outros membros da diretoria e conselho fiscal anteriormente eleitos permanecem nos cargos, bem como Sylvia, que retorna ao cargo original de vice-diretora social. Também foi aprovado o título de presidente de honra à Izabel Cristina Nascimento. Temos agora dois presidentes de honra: nosso querido Sr. Diniz, também falecido e homenageado com um Centro cirúrgico que leva seu nome e Bebel. Providenciaremos em breve um local especial para homenageá-la também.

Tivemos uma campanha maravilhosa de arrecadação de rações, no final de semana dos dias 03 e 04 de setembro chegamos a quase 70 toneladas !!!!!!!!! parece muito, mas nosso consumo diário é de 1,5 toneladas! Continuamos precisando de ajuda mas vale lembrar que também temos sobrinhos que não comem só ração: como cavalos, porcos, bodes e outros. Sendo assim, a doação em espécie também é muito importante pois nos permite comprar frutas, legumes, feno, alfafa e alimentos mais específicos. Precisamos muito também de papinha Nestlé salgada, para nossos filhotes que ficam no berçário! Toda ajuda é sempre muito bem-vinda! Jornais, potinhos, material de construção.

Nossa campanha “Adote um focinho carente” segue firme e forte na Glória, em frente à antiga sede da TV Manchete, nos dias 05,19 e 26 de Novembro. Pretendemos em breve já estar com novos produtos para vocês! No próximo ano, estamos com a ideia de, além do já conhecido ponto da Glória, fazer um “Focinho Itinerante” por outros bairros da cidade! Vamos levar a SUIPA pertinho de vocês! Várias escolas e centros educacionais tem nos solicitado eventos para divulgação e conscientização do trabalho de proteção e respeito à vida animal, vamos lá plantar a sementinha no coração de crianças e jovens!

Nem tudo são flores, no último dia 24 de Setembro nosso amado “guerreiro” Empezão se foi, teve um rompimento do tendão da pata na qual se apoiava e foi incansável até o fim, ele sempre será nosso símbolo de luta e superação! Para quem não se lembra, esse cavalo levou um tiro de fuzil, foi resgatado e chegou à SUIPA em Maio de 2014 ficou em tratamento durante um ano, desafiando várias pessoas que acreditavam que só restava à ele a eutanásia! Mas ele viveu, muito bem e feliz e quando chegou a hora se foi! Ficam as lembranças gostosas e amor lindo que uniu o coração dele e do Dr. João Wassita incansável nos cuidados daquele a quem chamava de “filho Empezão Wassita”.

Em anexo, segue a carta de despedida de cargo da nossa presidente interina Sylvia, lida na última assembleia e solicitada pelos presentes para que fosse publicada junto à circular.

No mês de dezembro, logo na primeira quinzena do mês, VOCÊS receberão DOIS BOLETOS BANCÁRIOS e nossa circular do final de 2016. Pedimos que, SE PUDEREM, já comecem a colocar, "embaixo do pinguim que está em cima da geladeira", o valor de uma mensalidade (R$30,00), para poderem pagar o BOLETO EXTRA, referente ao DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO dos 152 funcionários suipanos.

No primeiro “Adote um focinho carente” do mês de Dezembro também estaremos repetindo aquele MUTIRÃO maravilhoso para arrecadação de rações, cada ração recebida contribuirá muito para este pagamento do salário extra dos funcionários! Só contamos com vocês para esta ajuda! E a vida suipana segue. Mais uma vez nosso muito obrigado por tudo. Juntos sempre mantendo nossa SUIPA VIVA.

A Diretoria


Despedida SUIPA


Prezados sócios,
Há dois meses atrás recebi uma missão que parecia impossível. Assumir a administração de uma entidade constituída por 150 funcionários de setores dos mais diversos possíveis e 4500 animais também os mais diversos possíveis. Uma total “biodiversidade”. Num primeiro momento a vontade era sair correndo. Izabel saiu de cena de uma forma brutal para nós, mas talvez, suave para ela! Dormiu e partiu, sem aviso prévio, bem a cara dela.

Pensei que não resistiria uma semana, mas também lembrava da Bebel me pedindo para continuar na diretoria. Fui tirando forças não sei de onde, talvez de mim mesma ou melhor, do amor que só crescia quando olhava aqueles animais, não só os na clínica precisando de atendimento mas também os espalhados por cada canto da SUIPA, pedindo apenas proteção, carinho e futuro.

O dia a dia aqui é doloroso, triste, os abandonos não param, os doentes e acidentados chegam à toda hora. No início a vinda para cá era para mim, uma obrigação, com o tempo passou a ser um desafio e depois passei a ver como uma vitória !!!!!!!!!  Sim aqui cada dia; cada animal salvo, cada doação recebida é uma vitória!

Os problemas são imensos, dívidas, contas, crise, parecem não ter fim. Me deparei com uma folha de pagamento em atraso, ração acabando, conta bancaria bloqueada, os funcionários diziam “estamos numa tempestade”.  Quando achamos que estávamos no fundo do poço, nossa união nos fez fortes e nos fez emergir do fundo deste mesmo poço! Fomos incansáveis! Gritamos por socorro e a população nos ajudou! Conseguimos 70 toneladas de ração! Todos ajudaram, todos, veterinários, supervisores, faxineiros, diretoria e voluntários, nos vimos fortes, e unidos! Cada ração que chegava desde sacos e mais sacos de empresas até um saquinho de ração à varejo doadas por pessoas simples, eram festejadas sim, pelos funcionários que apesar de salário atrasado estavam aqui!

E milagre dos pães se fez! Os salários foram postos em dia! Não foi lindo gente?

Quando cheguei aqui, apavorada, como presidente interina repetia sempre “o momento é de união“ e pude vivenciar isso. E agora só tenho a agradecer a cada um de vocês, pelo carinho e paciência comigo, pela força em não me deixar desistir, posso dizer que a SUIPA continua mais Viva que nunca como Bebel queria, os problemas continuam é claro, mas, podemos sim fazer uma entidade melhor, a união realmente faz a força; continuo afirmando que NINGUEM absolutamente NINGUEM poderá substituir a Bebel, mas podemos juntos manter a SUIPA viva.

A minha obrigação inicial de vir para cá se transformou num delicioso desafio de conviver com a capacidade de superação, tão suipana. Aqui pude entender que as tempestades existirão sempre, mas, aprendi que “viver não é esperar a tempestade passar, e sim aprender a dançar na chuva”. E como dançamos lindamente aqui não é?

Missão cumprida e que a paz esteja com todos os seres do Universo.

Sylvia Rocha



"Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da criação, seja animal ou vegetal,
ninguém precisará ensiná-lo a amar seu semelhante."

Albert Schweitzer (Nobel da Paz de 1952)
topo