5 de setembro Dia da Amazônia
SUIPA - 5/9/2018 -Lenardo Pereira



 O Dia da Amazônia acontece todos os anos em 5 de setembro.

A data foi criada com o propósito de mostrar e conscientizar a todos os seres humanos sobre a importância da sua existência para a nossa existência e também pela importância da biodiversidade que habita na maior floresta tropical do planeta.

A escolha da data faz referência ao dia 5 de setembro de 1850, quando D. Pedro II decretou a criação da então Província do Amazonas (atual Estado do Amazonas).

 É preciso ter consciência de que essa data, mas do que uma comemoração é um sinal de alerta, pois, a floresta está ameaçada. Constantes desmatamentos ilegais em busca de nobres madeiras, minerações e outros fatores estão afetando diretamente a fauna e a flora da região, causando um estrago sem precedentes, desequilíbrios naturais e crises ambientais a nível global.

A área é gigante, aproximadamente 5,5 milhões de quilômetros de floresta, presente em 8 estados brasileiros: Acre, Amapá, Pará, Amazonas, Roraima, Rondônia, Tocantins e parte do Maranhão e Mato Grosso. Na América do Sul, cobre 9 países ao todo, incluindo o Brasil e os seguintes: Suriname, Bolívia, Guiana, Guiana Francesa, Venezuela, Colômbia, Peru e Equador.

Nesse dia a SUIPA presta homenagem e acende essa luta na preservação da floresta para que mais tarde nossos filhos e netos possam correr e brincar respirando ar puro e a humanidade possa seguir em frente no caminho de sua evolução, respeitando e convivendo pacificamente com a mãe natureza.

A mãe natureza pede o nosso compromisso com a vida.

 
"Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da criação, seja animal ou vegetal,
ninguém precisará ensiná-lo a amar seu semelhante."

Albert Schweitzer (Nobel da Paz de 1952)
topo